Querer bem é amar

 Leia ao som de: Tulipa Ruiz “Aqui”

girlfriends-338449_1280

Outro dia estava no ponto de ônibus, cansada, entediada, e me preparando para uma prova chata que eu não esperava que fosse dar resultado. Sentei em um banco ao lado de um senhor com a idade já meio avançada. Me parece que ele não suportava ficar calado, ou me achou com cara de quem precisava de algum amigo, porque decidiu conversar. E no meio de falações sobre as poucas opções do transporte coletivo, as particularidades da vida em Belo horizonte e a importância de uma boa alimentação, ouvi ele dizer algo que me fez pensar: Pode não ser do nosso jeito, mas em qualquer situação, sempre vai ter alguém que nos quer bem.

Ok, a frase não estava tão bem organizada assim, e nem parecia a intenção dele filosofar, mas foi isso que ele quis dizer, e eu entendi direitinho. A gente tem esse mal costume de escolher como queremos ser amados, ou por quem queremos ser amados, e se isso não acontece do nosso jeito, nos sentimos desamparados, desesperados e frustados. A verdade é que não estamos  preparados para se deixar amar, para aceitar o bem que os outros desejam para a gente, seja nos acompanhando no dia a dia, ou simplesmente falando uma frase que nos faz mudar o modo de ver a vida.

Existem pessoas dispostas a nos fazer bem o tempo todo, o que falta é estarmos dispostos a aceitar o bem que vem do outro. Afinal, querer o bem é amar, e amor nunca passa da quantidade. O bem que aquela conversa me fez ajudou a continuar o dia com um sorriso no rosto, e me sentindo mais receptiva ao amor recebido em atos de bondade, mesmo não vindo como e de quem eu esperava. O bom disso é que sempre posso ser surpreendida.

Anúncios

3 comentários sobre “Querer bem é amar

  1. Milquinha, parabéns!Vc está cada dia escrevendo coisas melhores e mais lindas.Me vi nesse texto, pois estou sempre querendo ditar a maneira que quero ser amada.Beijos

  2. Não sei se já falei isso, provavelmente não porque sou contra qualquer atitude que possa ser confundida com puxação de saco ou melosidade, mas vou abrir uma exceção e admitir que seus textos as vezes me dão a mesma sensação de quando leio uma poesia boa, uma sensação de significados enchendo o peito e fazendo respirar mais profundo…pronto, gastei a cota de elogios de 2015 já hahahah

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s